2006-12-22

Primeiro post

Bom pessoal, este é o meu primeiro post no que vem a ser o meu blog. Estou entrando tardiamente nesta onda, até porque até agora eu não tinha nada de muito interessante para dizer ao mundo.

Mas agora tudo mudou.

Para quem ainda não sabe estou indo morar na Suécia. Ou pelo menos esta é a idéia, assumindo que o departamento de imigração sueco não me considere um terrorista ou algo assim e me negue o visto. Recebi uma proposta para trabalhar em uma empresa chamada Spidexa Technologies para ajudar a desenvolver um sistema para aumentar a confiança nas transações comerciais feitas via Internet. Obviamente eu aceitei, já que sempre pensei em morar no exterior, embora a decisão não tenha sido assim tão fácil quanto pareça.

Tudo começou quando recebi no dia 13 de novembro um e-mail do Andrigo com o assunto "vaga aqui". Para quem não conhece, o Andrigo foi um colega meu na faculdade que depois de se formar foi morar na Europa, ou mais especificamente na Finlândia (Friolândia para os íntimos). Depois de ficar um tempo por lá ele foi pra cidade sueca de Ronneby fazer o mestrado. Acontece que o supervisor do Andrigo no mestrado é o CIO (diretor de informática) da Spidexa e convidou o Andrigo a trabalhar lá. Como a empresa estava precisando de mais gente qualificada e não encontrava (a Suécia tem apenas 9 milhões de habitantes, assim não há tanta oferta), o Andrigo fez uma propaganda de mim para seus superiores. Eles pediram para mim mandar meu currículo, eu mandei, eles gostaram e me ofereceram o emprego, e eu aceitei.

Existe toda uma burocracia para mim poder ir para a Suécia, tanto lá como aqui. A parte boa é que lá já foi tudo encaminhado e aprovado, e aqui já mandei tudo o que precisava para o consulado em São Paulo e estou apenas esperando aprovarem minha permissão de residência e trabalho. A probabilidade de rejeição existe, mas é minima devido ao fato da papelada na Suécia ter sido aprovada. Depois disso é só mandar meu passaporte para a embaixada em Brasília para colocarem o visto, embarcar no avião e zarpar (se os controladores de vôo deixarem). Minha previsão é de que estarei pegando o avião aí pelo fim de janeiro.

Logo que chegar lá irei ficar no apartamento do Andrigo nos primeiros dias, pelo menos até achar algum outro apartamento para alugar em Ronneby. A primeira coisa que terei que fazer lá será comprar roupas de frio, pois vou chegar no inverno de lá. Como Ronneby é bem ao sul da Suécia não faz tanto frio assim. Diz o Andrigo que no máximo (ou seria mínimo?) -20ºC :-). A segunda coisa será fazer um curso de sueco, já que não sei nem dizer "oi". Até lá vou me virar no inglês mesmo.

Ah, e quase ia esquecendo, não há previsão de volta.

É por isso que criei este blog. Foi a melhor forma que encontrei de manter atualizados todos os amigos e conhecidos. A idéia é que eu mande notícias de lá por aqui, para quem eventualmente ficar curioso de saber como estou me saindo. Quem quiser mandar alguma mensagem pra mim pode (deve) deixar comentários no blog, vai servir para matar a saudade.

Bom, era isso. Agora é só esperar pelo visto. Manterei vocês informados.

E Feliz Natal!